Qualidade de Vida

17.04.2014 - Significado da Páscoa

Conheça origens de suas simbologias

Renata Pessoa

Páscoa significa passagem. Inserida na Semana Santa, a data possui uma série de simbologias e significados. Conheça alguns deles.

Significados

Uma das celebrações mais importantes da Igreja Cristã, a Páscoa comemora a ressureição de Cristo. A data significa também a passagem para novos tempos, novas esperanças. Para a Igreja Católica, os rituais que precedem a Semana Santa começam 40 dias antes, com o período conhecido por "Quaresma" - quando os cristãos dedicam-se à penitencia do jejum, para lembrar os 40 dias passados por Jesus no deserto e também o sofrimento que ele suportou na crucificação.

Dando início à Semana Santa, o Domingo de Ramos lembra a entrada de Jesus em Jerusalém, cuja estrada fora enfeitada com folhas da palmeira. Na sexta-feira, por se tratar do dia da morte de Cristo, é comum os religiosos abrirem mão do consumo de carne. No Sábado de Aleluia, celebra-se a missa da meia-noite, a passagem para o Domingo da Ressurreição, quando comemora-se a Páscoa.

Para os judeus, o Pessach (em hebraico - passar além) celebra a liberdade conquistada pelo povo hebreu, que era escravizado no Egito. Para eles, a Páscoa simboliza o retorno à vida digna. Essa libertação coincidiu com o início da primavera, assim fundiram-se numa só festa, a renovação da natureza e o renascimento de Israel, como eram chamados os hebreus. E na Páscoa instituída então, incorporou-se às tradições religiosas dos povos agrícolas e pastoris e à tradições israelitas de um grupo que seria unificado e o transformariam em nação.

Símbolos

O coelho tornou-se símbolo da Páscoa porque, em tempos antigos, no hemisfério norte, a celebração coincidia com o fim do inverno e o início da primavera, quando os coelhos apareciam nos campos, com seus filhotes. Era a época da fertilidade.

Outro símbolo importante, o ovo representa o começo da vida. Vários povos costumavam presentear os amigos com ovos (nem sempre de chocolate), desejando-lhes boa passagem para uma vida feliz.
De cunho religioso, o Círio Pascal é uma grande vela, decorada com as letras gregas alfa e ômega, que significam início e fim, usada durante as missas da Semana Santa. Durante a Vigília Pascal é inserido na vela os cinco pontos das chagas de Cristo na cruz. É acesa no Sábado de Aleluia e sua Luz representa a Ressurreição de Cristo.

Já o peixe é um símbolo de vida, usado pelos primeiros cristãos, no acróstico IXTUS - peixe em grego. As letras são as iniciais de "Iesus Xristos Theos Huios, Sopter", que signicica "Jesus Cristo, Filho de Deus, o Salvador". Faz parte do ritual da Semana Santa comer peixe na Sexta Feira Santa, para lembrar o ritual dos 40 dias de jejum de carne, seguidos pelos cristãos durante a Quaresma.
 

Compartilhe
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar
Veja também

Abilio Diniz
m.uol.com.br