Qualidade de Vida

17.10.2014 - Ciência do riso

Cérebro ativa senso de humor para obtenção do prazer

Você já parou para pensar por que achamos graça de certas coisas? A questão intrigou o neurocientista Scott Weems, da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos. O especialista desenvolveu uma investigação científica do humor e resumiu suas conclusões no livro Há! The Science of when we laugh and why (Ha! A ciência de quando e por que rimos).

De acordo com Weems, o riso e o senso de humor em geral são mecanismos desenvolvidos pelo cérebro para resolver contradições e ainda obter prazer. Em artigo para o portal Science Friday, o especialista defende que o humor é um processo que reflete o tempo e as necessidades de seu público. É o trabalho social ou psicológico por meio de ideias que não é facilmente manipulado por nossas mentes conscientes.

Com mais de 12 anos de estudo sobre o cérebro, o neurocientista afirma que o bom humor está associado à cognição e favorece os raciocínios mais complexos e pensamentos profundos. De acordo com Weems, quando o cérebro recebe metas ou informações conflitantes, ele usa esse conflito para gerar novas soluções e, por vezes, produzir ideias que nunca foram pensadas antes e o humor ocorre quando levamos alegria a este processo. Por esta razão, uma mente entediada é tida como uma mente sem humor.

Fonte: Science Friday

Compartilhe
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar
Veja também

Abilio Diniz
m.uol.com.br